FE2021

Histórias de sucesso surgiram na Feira do Empreendedor

Empreendedores e expositores contam como encontraram inspiração e oportunidades de negócio no evento

A Feira do Empreendedor do Sebrae tem a tradição de resultar em bons negócios e em inspiração para aqueles que estão em busca de um negócio próprio. Afinal, é um evento que tem dois lados: o de quem quer empreender e o dos expositores e patrocinadores, que estão levando ideias, novidades e oportunidades para o mercado. Além disso, a programação de palestras e oficinas, assim como todo o apoio oferecido pelos especialistas do Sebrae, faz com que a Feira consiga ligar todos pontos necessários para o ambiente do empreendedorismo saudável e planejado. A seguir, quatro empreendedores que participaram de edições anteriores da Feira do Empreendedor contam suas experiências e as surpresas positivas que tiveram no evento – e que se transformaram em ótimos negócios.

Inspiração e informação

Uma visita à Feira do Empreendedor do Sebrae-SP, em 2019, foi a inspiração que faltava para Juliana Raineri decidir o caminho que gostaria de seguir como dona de um negócio próprio. “Eu e meu marido visitamos a Feira, encontramos a Mary Help, gostamos muito da proposta da franquia e já fechamos negócio. Isso foi em outubro e em janeiro de 2020 já abrimos a empresa”, conta. Com o marido e sócio, Alan, ela abriu uma unidade da Mary Help no bairro do Tucuruvi, em São Paulo. A franquia é especializada em recrutamento e treinamento de diaristas e empregadas domésticas.

Assim como milhões de empreendedores, Juliana sentiu o baque da pandemia de Covid-19 que começaria dois meses após a abertura da empresa. Mesmo assim, ela conseguiu manter o funcionamento do negócio e, mais recentemente, com a ampliação da vacinação e a retomada das atividades econômicas, a procura “explodiu” e a empreendedora viu a oportunidade de adquirir mais duas unidades da franquia: em Santos e na Paria Grande. “Nosso papel é unir o cliente em busca de uma prestação de serviços confiável a uma profissional experiente. A empresa analisa as referências, oferece treinamento e faz a ponte”, explica.

Segundo Juliana, empreender não é uma tarefa fácil e exige pé no chão, mas em certa medida é preciso arriscar – para isso, é fundamental estar preparado. “A Feira oferece não só oportunidades de negócio, mas também informação. Tudo é bem segmentado e conseguimos realmente nos aprofundar sobre o que buscamos. Sabia que aquele seria o local para ter todas as informações que precisava e foi o que encontrei”, diz.

Salto para o digital

Crescimento da carteira de clientes, divulgação da marca e parcerias para modernização dos serviços fazem parte do balanço feito pelo empresário Renato Oliveira após a participação da Gol Contabilidade em edições da Feira do Empreendedor. A empresa já esteve presente nas edições de 2016, 2017 e 2018 e se prepara para lançar novidades na edição atual. Uma delas será na área de automação: um assistente virtual para atendimentos. Segundo Oliveira, um cliente poderá solicitar, por exemplo, cálculos de impostos atrasados e simulação de rescisão de funcionários em qualquer horário e em qualquer dia da semana. A Gol Contabilidade presta serviços de consultoria contábil, fiscal, folha de pagamento e legalização de empresas. Oliveira conta que as participações anteriores no evento de empreendedorismo chegaram a render contatos até um ano depois. “Conseguimos clientes que eram expositores também e pessoas que nos procuram até um ano depois de terem feito contato na Feira”, relata. O proprietário está animado para a edição 100% digital. Isso porque antes da pandemia a empresa já atuava 90% online e conseguiu finalizar a digitalização. “No primeiro ano de pandemia ficamos estagnados, mas agora em 2021 registramos crescimento. Nossa expectativa é mostrar muita tecnologia na área contábil para os participantes e atrair novos negócios”, destaca.

Sucesso inesperado

A Smart Multiclínica foi fundada em 2019, mesmo ano em que a proprietária, Marcela Batistela, participou da Feira do Empreendedor pela primeira vez. Lá, se surpreendeu com a grande captação de leads – pessoas interessadas no negócio que podem se tornar clientes. “Fomos convidados pelo Sebrae para participar da Feira como franqueadores, o intuito principal era a divulgação da marca. Não tínhamos tudo formatado ainda, então corremos atrás para que desse tudo certo. No final, a Feira do Empreendedor foi o maior sucesso. Não imaginávamos que seria um sucesso tão grande. Por meio da Feira vendemos nossa primeira franquia, que está conosco até hoje”, diz a empreendedora.

A proposta da Smart Multiclínica é trazer para o público brasileiro um conceito diferente de acesso à saúde, com menos custo e menos burocracia. “Nós somos uma alternativa para as pessoas que desejam uma opção além da saúde pública e não têm condições de pagar um convênio médico ou consultas particulares. Temos mais de 4 mil tipos de exames e mais de 25 especialidades médicas, além de trabalharmos com o histórico do paciente para que ele não precise fazer o mesmo exame diversas vezes”, explica Marcela.

A empreendedora já está com participação garantida na Feira do Empreendedor 2021, já que o evento foi o pontapé inicial para que a sua marca se consolidasse no mercado. Hoje, a Smart Multiclínica está com 12 unidades em todo o País e espera continuar sua expansão – para isso, a vitrine da Feira do Empreendedor é fundamental.

 

Marca fortalecida

A empreendedora Monique Rodrigues, proprietária da Clinicão Veterinária, fundada em 1993, é uma cliente fiel dos cursos do Sebrae. “Desde 1993, procurei fazer todos os cursos do Sebrae. Hoje, digo que sou mais administradora do que veterinária, tudo graças ao Sebrae”, afirma. Com o objetivo de criar uma franquia de serviços veterinários – e talvez se tornar a primeira em todo o Brasil –, Monique começou a formatar o modelo em 2015 e, dois anos depois, viu o sonho se tornar realidade com a inauguração da primeira franquia. Hoje, já existem cinco franquias em São Paulo.

Na edição da Feira do Empreendedor em 2019, a empresa participou com a expectativa de conseguir mais franqueados. No entanto, Monique e seu marido, Fernando Reis, notaram novas oportunidades além daquelas que estavam buscando. Uma delas foi o posicionamento da marca diante de públicos importantes para a Clinicão e, principalmente, formas para divulgar a clínica para o cliente final. “Nós temos a pretensão de ser uma marca forte, especialmente em São Paulo. Para isso, foi essencial estarmos na Feira do Empreendedor”, diz Monique.

Na opinião da empreendedora, é muito importante que pessoas com ideias de negócio e outros empresários participem do evento do Sebrae. “A Feira do Empreendedor é como uma vitrine, participam todos os tipos de pessoas, de todas as classes. Nós tivemos diversas ideias novas para o nosso negócio, além de ser um networking maravilhoso para os empreendedores”, destaca.